Não vou me adaptar...


Não estou me adaptando muito bem a essa nova rotina de passar o dia inteiro por aqui na faculdade, estou confusa ao que realmente quero em relação ao amor. As contas chegam, chegam e dinheiro que é bom nada. Decido coisas o tempo todo sem levar em conta a interferência do mundo ao meu redor, coisas que fogem às minha escolhas. Como o professor, chuva e o amor não correspondido. Quero deixar de ser tão afetada por todas essas coisas. Quero ser mais constante e feliz! E eu penso em todas as coisas, e o tempo passa e algumas coisas passam também, mas a causa fica e eu não consigo descobrir. Ai meu Deus, ajuda!


Diferente...

Tem pessoas que você conhece que só conhece depois
Tem outras que esquece mesmo depois de tanto feijão com arroz
Um quilo de sal demora tempo demais pra dividir com que não se tem amor
Tempo curto que tem a vida pra se perder com tanta dor

Você foi a minha surpresa mais linda dos últimos tempos
Eu que não tinha mais tempo, que não ouvia mais o vento e nem olhava o mar
Vi em você uma chance de me reencontrar
Tudo que falava, cantava ou fazia me descrevia

Entre palavras cuzadas, cervejas geladas e assuntos enfim
Conheci um guri que eu ja conhecia
Estranho na verdade foi que ele também olhou pra mim

E nem foi por medo da solidão nesse mundo de tanta gente que não me mexi
O medo foi de perceber que sentimento tão corrente e recorrente se mostrasse em vão
Depois de reconhecer alguém, tão simples, tão eu, logo ali
 
Copyright 2009 "Se é loucura, então melhor nem ter razão..." All rights reserved.
Free Blogger Templates by DeluxeTemplates.net
Wordpress Theme by EZwpthemes
Blogger Templates