Complicado demais

Talvez já fosse mesmo a sua intenção desde o início cair fora disso. Eu não consigo entender porque. Tenho certeza que nunca você se sentiu tão calmo e compreendido por alguém, tenha certeza de que eu nunca fui tão boa assim por alguém.
Algumas pessoas haviam me dito que você era assim, não passava de 3 meses com ninguém, aí a gente chegou nos 5 e quando eu te questionava no porque com a gente tudo era diferente, você dizia: "A gente é que faz a nossa história, deixa de comparar.". E eu deixei, e aproveitei, fechei os olhos pra uma porção de coisas e tentei ver sempre o melhor em você.
Eu realmente achei que daria certo.. Eu sempre acho! Eu sou realmente a pessoa mais romântica que você conhece. E sensível.. Sabe eu ainda acredito. Eu fico esses dias esperando que você se arrependa e esperando que tudo o que eu estou vendo não seja verdade, que eu faço falta e que você relutou por medo, mas que me ama.
Além de piegas depois de velha eu dei pra ser boba... mas deixa, que hoje eu tô de bobeira. É que por mais que você morra dizendo o pior de você e o quanto você é complicado e que não é justo isso pra minha vida, eu considero o melhor de você. Porque eu fui muito feliz com a sua companhia. 

"E no meio de tanta gente eu encontrei você,  no meio de tanta gente chata e sem nenhuma graça você veio... 
E eu que pensava que não ia me apaixonar nunca mais na vida... Por isso não vá embora, por isso não me deixe nunca, nunca mais..."

A gente se perdeu.

A gente costumava ser como duas peças de quebra cabeça, que se encaixavam perfeitamente... Aí no meio do caminho, talvez pelas quedas que levei nas lutas da vida eu perdi meus braços e fiquei assim lisinha, de modo que você não conseguiu mais se agarrar a mim. E a gente se perdeu pra sempre.

Dói...




"Aonde está você agora além de aqui dentro de mim?"  Renato Russo


Eu perdi um grande amor. E o pior disso é que ele não se vai, fica sempre por aqui e vez em quando dói. As vezes não demora, mas tem dias que longo e constante. As vezes é dor pequena e outras parece que vai me matar de tão forte. Dói mais que tudo saber que não fez nem o possível, quando deveria ter feito o impossível pra não perder quem mais se ama.
É assim, você tá bem lá no seu cantinho e consegue até ser feliz... aí você lembra dele e de como você poderia estar dividindo aquele bom momento com ele e nesse momento dói. E não que você fique mais triste, mas certeza fica um pouquinho menos feliz. Tem também quando você tá nos dias de cão.. e que a única coisa que você consegue se lembrar de bom é do  cheiro dele e do colo dele que você tinha pra sentir paz até nesses momentos.
Eu ainda choro a vezes e todo mundo diz que vai passar e que um dia será apenas uma boa lembrança, mas ainda está muito aqui pra eu conseguir acreditar. Por que não importa que o tempo passe, não importa o quanto eu me apaixone ou que você diga que já ama outro alguém. Nada importa. Por que todos os  dias desde que te perdi só consigo  sentir a dor da tua ausência.

É diferente e é só nosso..

Ele me faz feliz, mesmo que isso não seja sua prioridade ou intenção. Por que ele é isso e sem mais nada, inspiração. Quero que dure e que seja agridoce, que é pra não enjoar. Cansei dos fins, dos planos no lixo, das famílias e deixadas pra lá. Quero conquistar amor e viver felicidade. E se por um acaso acabar que as reticências nos tornem amizade.
É tão livre como um pássaro, como desejei ser, isso me encanta e não me assusta. Fascina ser tão livre assim. Onde o amor é amor e não apego. Onde o querer é vontade e não consumo. Não tenho medo de perdê-lo, por sabê-lo lá no seu pequeno grande mundo. E tenho, por não cansar da sua presença mesmo quando permanece inalterado e quase mudo! Não sei explicar, eu quase nunca sei! É que eu deixei de esperar tanto e hoje apenas ofereço o que quero sem esperar em troca daquilo receber algo, então tudo é lucro e felicidade, serenidade e nunca lamento.
Mesmo que ele não diga que quer e gosta de estar comigo, mesmo que não seja meloso, eu sei duas coisas sobre ele: Uma é que só faz exatamente aquilo que quer então se está comigo é por opção, nunca será obrigação, ele não se obriga. E a outra é que ele odeia clichês, e se não me diz coisas romanticamente como eu sonhei ele faz e mostra assim de formas totalmente inesperada e me faz contente como nunca imaginei.

De tu tudo há de se ter um melhor...

Eu queria ter gritado, chorado e quebrado todos os moveis da sua casa. Queria ter tido reação de novela. Mas não, eu vi, falei, ouvi e até ri depois, você acredita? Talvez eu não sinta mais nada mesmo... Nada. E não é por você esse meu desamor é pelas pessoas do mundo mesmo, por todas essas pessoas que como você mentem e nunca sabem reconhecer o bem recebido.
O seu desespero e confusão de sentimentos me pareceram tão fajutos, um teatro vão que não me penalizou. E porque eu quis ficar? Por que sinceramente eu estou cansada de tentar. De fugir. Estou cansada de me achar sempre melhor que tudo e todos. Mesmo que eu ache que seja, vou ficar e esperar que você seja o mais novo “melhor namorado do mundo”, como falou, vou esperar você cuidar de mim e se comprometer conosco. Vou esperar.. sei lá até quando, até a tpm passar, até as festas de fim de ano passarem, até fevereiro, quem sabe? Até você passar.
Sabe o que é melhor nisso tudo? É que no dia em que eu me apaixonar de novo (se é que isso ainda vai acontecer) ou que eu simplesmente cansar de você, não vou sentir culpa nenhuma e nenhum apego ao te deixar pra traz. Não é isso que eu deveria praticar? O desapego? Estou praticando a partir do momento em que eu perdi de você a coisa mais bonita que havia entre nos, que era a confiança.
Porque pouco me importa o que aconteceu ou que deixou de acontecer, o que importa é que você quis. E isso acabou com tudo. Acabou com toda a minha despretensão na minha doação. Acabou com a minha vontade incondicional de colocar você em primeiro lugar diante as outras coisas do mundo. Talvez agora sim, você goste, você queira e lute. Quem aprende a amar desse jeito dificilmente se acostuma amar bonito.. é uma pena.
É que tem gente, como você, que só se permite amar quando vê a possibilidade de perder e outras, como eu, que ao invés de sofrer com o erro do outro se sentem infinitamente maiores por terem sido capazes de fazer a coisa certa.

Eu volteiiiiiiiiiii

Viajando aqui nas palavras de outros apaixonados, de outros rebeldes, de outros melancólicos pensei no porque da minha calma e do meu silêncio de palavras e não consigo chegar a resposta alguma. 
As palavras estão na minha cabeça, batem como sinos, mas não soam como música. Tenho tando a dizer, porque sinto, mas o que sinto é calmo, placido e sereno.
Dever ser isso então.. Porque até então me via gostar da paixão, da busca e da melâncolia.. Não sei mais o que é isso, então calei.


Hoje voltei pra pedir desculpas por essa ausência... 
Um momento que também me penalizou. 
Que eu precisava mesmo, pra pensar em tudo.. pra pensar em mim.
Mas agora digo que voltei! Com toda minha inconstância, melancolia e busca de amor e felicidade! :)

Teste de paciência!

Certas vezes seu humor me agrada, contraposto a outras em que acaba comigo. Erradas vezes eu penso em te amar... logo ao lado de tantas outras em que penso em me perder de ti. Você nem ia notar se eu sumisse ou em que momento isso veio a acontecer. E seu (tão meus) amigos perguntariam por algum tempo e você apenas diria, "não sei, não tenho visto".
Há algum tempo atrás eu pensaria na força que você deveria estar fazendo para agir assim. Não sei se pela minha super alto estima ou se pela minha inacreditável confiança no amor. Mas com você eu não questiono, não me surpreendo, nem sequer imagino qualquer coisa. Porque você é cheio das ideias, mas não sabe nada de amor.
Gosto de você... é de você, mas não gosto de você comigo, entende? É frio demais, tentado demais e sentido muito de menos pro meu gosto. Pro meu apurado gosto de desejo, amor e intensidade. E eu poderia cair fora e dizer tchau, mas é que eu gosto mesmo de você. E principalmente de como eu me surpreendo, a cada dia, comigo mesma desde que estou ao seu lado.
Muito prazer, meu nome ultimamente tem se chamado Paciência e o seu suponho Teste. E agora que é MEU (digamos assim), quero até a ultima gota, porque intensa, meu bem, eu sempre serei. E o que é nosso só a gente pode ver.
 
Copyright 2009 "Se é loucura, então melhor nem ter razão..." All rights reserved.
Free Blogger Templates by DeluxeTemplates.net
Wordpress Theme by EZwpthemes
Blogger Templates