Assim.. Mayara!

Sabe aquela mulher que você ver de salto alto e óculos escuros? Aquela que sempre está com pressa, que sorri e acena, mas nunca fica, só passa? Que mora só, que nunca atrasa e sempre sorri? Sabe ela não é tão assim. 
Ela sente falta de amor de mãe, de não ter que pagar contas, de ter tardes pra ficar de bobeira. Será que alguém vê aquela que chora e sofre na noite do mesmo dia em que sorri de bobagens e fica feliz apenas com o vento que passa? Aquela que ler gibi e ajuda quem pode é mesma que apresenta trabalhos científicos e não gosta de dar o ultimo pedaço. Essa aqui oh. Olha nos meus olhos. Sei que me escondo, mas é que eu queria ser decifrada e amada assim Mayara.
Com todas essas coisas estranhas de Mayara Mader que já afastaram tanta gente. Com TPM's, egoísmos e autismos. Assim espaçosa na cama, paranoica por limpeza e de sono fácil. Essa que só assistes filmes de amor, que só ler textos de amor e só ama se for pra sempre.
A Mamá que gosta de olhar pras estrelas, que sonha em ser raptada numa noite qualquer e ama andar a cavalo. A Mayara Mader complicada e perfeitinha... essa complicação, nem tão fácil assim de entender, mas que garante a seu amor de verdade, um real amor verdadeiro. Eu!

0 ...:

Postar um comentário

 
Copyright 2009 "Se é loucura, então melhor nem ter razão..." All rights reserved.
Free Blogger Templates by DeluxeTemplates.net
Wordpress Theme by EZwpthemes
Blogger Templates